Os ambientes da Modernos Eternos BH são a vitrine do que há de mais atual e irreverente no mundo da arquitetura e decoração. Com muito orgulho, a ABC da Construção faz parte desse eventocomo fornecedor master, proporcionando todo o material de acabamento para a montagem dos espaços em exposição.

E nada melhor que estar informado sobre os ambientes da Modernos Eternos BH para apreciá-los, não é? Por isso, preparamos uma série de textos sobre as obras de autoria dos ilustres arquitetos participantes. A primeira que temos a honra de apresentar é da arquiteta Luciana Garcia Waisberg: a Nano House. Com apelo equilibrado, ela segue a tendência minimalista em casas de tamanho reduzido. Confira.

Parceria com a ABC da Construção

A escolha de Luciana pelas peças da ABC da Construção é fruto do desejo de conferir à Nano House um espírito sofisticado e contemporâneo. “A ABC possui um diferencial de personalização do meu projeto e valor agregado de seus produtos”, conta a arquiteta. Dessa forma, cada objeto atua com extrema importância no ambiente, já que produzem um estilo atual e refinado, que é a sua proposta.

O porcelanato 59×118,2 Place da Eliane, juntamente com o porcelanato 80x80cm Travertino Venis da Ceusa marcam a opção por produtos de qualidade. O níquel escovado também é um diferencial importante ao ser selecionado na bica de banho Play, na ducha higiênica New Edge, acabamento para descarga Flat, na papeleira, no porta toalha, na papeleira, no acionamento da torneira do banheiro e também na torneira da cozinha; todos da linha Mix&Match, Docol. A torneira para banheiro da linha Conexões Espontâneas Ouro Jateado, do mesmo fornecedor, não deixa a deseja no quesito requinte.

Espaços compactos projetados por Luciana Garcia

Cômodos harmônicos e funcionais. Ambientes totalmente aproveitados. Casas que se adequam aos tempos modernos e espaços urbanos. Seguindo a onda mundial de fazer muito com pouco, Luciana Garcia aposta no conceito de moradias compactas e explora áreas reduzidas para grandes ideias e imponentes arranjos de mobília.

Ambiente da Modernos Eternos BH: a Nano House de Luciana Garcia

Os ambientes propostos se adequam tanto como moradias permanentes quanto temporárias.E, mesmo que o minimalismo seja uma moda que extrapola fronteiras, a ideia é preservar a identidade nacional nas delimitações estreitas. Como explica Luciana, “a proposta estética é de um espaço limpo e minimal, mas sem perder a alusão às tradições locais brasileiras. Ou seja, ele tem um toque brasileiro-minimal.”.

Divisão funcional

O projeto trabalha com dois ambientes: o social e o íntimo. O social incorpora a sala de estar, jantar e cozinha. O íntimo abrange o dormitório, closet, home office e banheiro. Segundo a arquiteta, “ambos são separados por portas e divisórias, podendo integrar-se conforme demanda”. Tudo pensado para um uso prático, inteligente e criativo das áreas da casa. Excelente para o dia a dia, não é?

Ambiente da Modernos Eternos BH: a Nano House de Luciana Garcia

Otimização de recursos

Seguindo a proposta de otimização, lavanderia e cozinha ficam parcialmente delegadas para fora da célula arquitetônica. Além disso, “o conceito de cozinha é simplificado com o uso de refrigeradores compactos inseridos nos armários, bem como chapas de indução magnética para cozimento de alimentos”, conta Luciana.

Adaptados aos hábitos contemporâneos, os objetos que compõem cada cômodo foram escolhidos de acordo com suas serventias. Por isso, diante do aumento do uso de smartphones, tablets e notebooks, o projeto não contempla o uso de equipamentos de TV. Uma escolha que torna a casa completamente funcional.

Ambiente da Modernos Eternos BH: a Nano House de Luciana Garcia
Ambiente da Modernos Eternos BH: a Nano House de Luciana Garcia

Sobre Luciana Garcia

Luciana é arquiteta e urbanista formada pela Escola de Arquitetura da UFMG. Também é especialista em arte contemporânea, pela PUC Minas, e mestre em artes visuais, pela Escola de Belas Artes da UFMG. Ao flertar com o universo da arte, suas obras resultam em montagens que dialogam com literatura, cinema, teatro, música e artes visuais.

Alguns prêmios já foram concedidos à Luciana por seu trabalho, como o de melhor projeto de arquitetura de interiores pelo Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB-MG) junto a Marcelo Alvarenga. Em 2012, foi agraciada com o Prêmio da Lei de Incentivo Municipal da Cultura para a categoria de Projeto de Exposição de Arte, através do qual realizou a exposição “O Estado do Real”.

Programação e Ambientes da Modernos Eternos

A programação da Modernos Eternos segue até 30 de novembro. No modelo de exposição-boutique, estarão à venda desde os objetos da mostra até o trabalho dos arquitetos participantes. Nos próximos dias, continuaremos publicando neste blog mais textos sobre outros ambientes da Modernos Eternos BH.

Além dos espaços projetados, a programação ainda conta com mini-talks, e a ABC da Construção terá o prazer de mediar três delas: o lançamento do livro “O uso imaginário do azulejo”, uma conversa sobre o uso sustentável de lastras e outra sobre a história e cultura de Minas Gerais. Todas as transmissões serão feitas no Instagram da Modernos Eternos BH.

Quer saber mais sobre a Modernos Eternos BH? Então confira mais informações que a ABC da Construção preparou para você!